Pular para o conteúdo

Os proprietários de veículos automotores pelo Brasil afora devem ficar atentos ao calendário de pagamento IPVA 2018 (imposto sobre propriedade de veículos automotores ano-calendário 2018) dos seus respectivos estados. Na maioria deles os pagamentos iniciam-se no mês de janeiro.

Descontos no IPVA 2018

Todos os estados oferecem descontos, que em alguns casos chegam a 60% sobre o valor total, para quem paga a cota única em uma determinada data, que, normalmente coincide com o vencimento da primeira cota.

Confira abaixo os descontos que cada estado concede a quem paga antecipadamente o valor integral do IPVA 2018:

  •  São Saulo - desconto de 3% para pagamento entre 09/01 a 22/01 a depender do final da placa do veículo;
  • Santa Catarina - não há desconto em nenhuma das modalidades;
  • Rio de Janeiro - 3% de desconto para quem pagar a cota única entre 22/01 a 02/02 a depender do final da placa do veículo;
  • Rio Grande do Sul - o desconto pode chegar a 24,73% do valor para quem pagar a cota única até 2 de janeiro, a depender do proprietário se enquadrar nas regras dos programas Bom Motorista e Bom Cidadão;
  • Maranhão - desconto de 10% para quem pagar a cota única entre 5 de fevereiro até 27 do mesmo mês, a depender do final da placa;
  • Amazonas - concede descontos de 10% para quem paga a cota única até o vencimento, sendo que o desconto total pode chegar a 30% do valor devido se o proprietário se enquadrar na Lei do Bom Condutor;
  • Pará - desconto de 10% para quem pagar o valor integral até o vencimento da cota única, podendo chegar a 10% do valor total se o condutor não tiver recebido multas de trânsito;
  • Pernambuco - desconto de 7% para quem optar pagar a cota única até o vencimento, a depender do final da placa do veículo entre os dias 08 e 28/02;
  • Ceará - os condutores que optar quitar a cota única até o vencimento farão jus a um desconto de 5% sobre o valor do veículo;
  • Paraná - desconto de 3% para quem pagar à vista a cota única até 10 de janeiro;
  • Espírito Santo - 5% para quem quitar a cota única até o vencimento;
  • Minas Gerais - 3% para que pagar à vista a cota única entre 10 e 21 de janeiro;
  • Paraíba - 10% para quem pagar a cota única à vista até o vencimento;
  • Bahia - 10% para quem pagar a cota única até o vencimento;
  • Goiás - os descontos podem chegar a 60%, sendo que 50% para carros 1.0 e motos até 125 cilindradas, cujos proprietários não tiveram multas, e até 10% para os castrados no programa Nota Fiscal Goiana.

Em outros estados (como o Estado de São Paulo), o calendário de pagamento de caminhões e caminhões-trator é diferente dos demais veículos (automóveis, caminhonetes, ônibus, micro-ônibus, motos e similares).

Os donos de veículos do Estado de São Paulo já podem se programar para pagar o IPVA 2018 SP (Imposto sobre propriedade de veículos automotores ano-calendário 2018). Foi divulgado recentemente, pela Secretaria Estadual da Fazenda, a tabela de pagamento.

O valor a pagar do IPVA 2018 SP pode ser consultado clicando aqui.

Descontos no IPVA 2018 SP

Se você quer aproveitar o desconto de  3% para quem paga antecipadamente, fique atento nas datas. A depender do final da placa de seu veículo somente quem pagar o IPVA entre 09/01 a 22/01 farão jus ao benefício.

Assim como nos últimos anos, as datas de pagamento não vão coincidir com a data de pagamento do licenciamento 2018 SP.

Calendário de pagamento do IPVA

ipva 2018 sp

ipva 2018 sp

 

Os pagamento terão início em janeiro. Mas é preciso ter atenção, a validade do licenciamento varia de acordo com o número final da placa do veículo.

O licenciamento anual é composto por três itens: DPVAT seguro obrigatório,  taxa de expedição do documento e o IPVA. Apenas depois que estes itens são pagos - podendo estar incluídas as multas não pagas - é que podemos considerar que o está licenciado para o exercício de 2018, e desta forma, há a emissão do licenciamento.

Com os valores divulgados, o IPVA 2018 SP já está disponível para ser pago. A taxa de expedição é recolhida pelo Detran SP para cobrir os custos de emissão e envio para os correios.

Os valores referentes ao seguro obrigatórios DPVAT, administrados pela seguradora Líder, estarão disponíveis para pagamento no início de janeiro.

Depois que o DPVAT seguro obrigatório, os encargos legais, o IPVA e  as multas vencidas, se porventura existirem, o CRLV (certificado de registro e licenciamento do veículo) é enviado via Sedex para o endereço do proprietário cadastrado no Detran SP.

Por esse e por outros motivos é importante manter o cadastro atualizado.

O correio faz três tentativas de entrega, se após a última não obtiver sucesso, o documento fica disponível por 15 dias na unidade central do Correios, findo o qual o documento é devolvido ao Detran, onde estará disponível para retirada a qualquer tempo por seu proprietário.